11 de out de 2016

tem uma doçura que se revela na acidez. 
É, talvez, como ler Ana C e Bukowski. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário